Combo Filosofia: LEVE 3 E PAGUE 2

R$99,00 R$149,80

3 GRANDES LIVROS DE FILOSOFIA:

  • Filosofia Medieval (Danúbio, 2017)
  • Sócrates, Fundador da Ciência Moral (Danúbio, 2015)
  • Uma Nova Idade Média (Arcádia, 2016)

COMBO DISPONÍVEL POR TEMPO LIMITADO

Aproveite o preço promocional e leve para a sua casa 3 grandes livros, de 3 grandes filósofos.

Em estoque

Quantidade
Categoria

Descrição do produto

“Filosofia Medieval: Uma Introdução”, de Frederick Copleston

 

Nesta obra clássica, o padre, filósofo e historiador britânico Frederick Charles Copleston apresenta uma introdução rápida e acessível às principais correntes da filosofia medieval.

O pensamento e a obra de autores como Santo Tomás de Aquino, Averróis, Duns Scott e Guilherme de Ockham são explicados com clareza e didatismo.

Partindo das origens do pensamento medieval, o professor Copleston discute com clareza e precisão as principais questões filosóficas que ocuparam as maiores mentes de um período de quase dez séculos.

Com a leitura deste livro você entenderá o crescimento e a importância da Escolástica, e conhecerá melhor, entre outros assuntos, a filosofia árabe e a mística franciscana.

“Sócrates, Fundador da Ciência Moral”, de Émile Boutroux

 

Neste ensaio, publicado originariamente em 1883, o filósofo francês Émile Boutroux demonstra como Sócrates foi o primeiro pensador do Ocidente a buscar uma base sólida para discernir o certo do errado. Observando o que físicos e sofistas faziam, Sócrates vislumbrou as possibilidades de aproveitar aspectos de suas especulações e de aplicá-las à pesquisa de um novo e surpreendente objeto: a moral. Pela primeira vez desde sua publicação, o leitor brasileiro tem em mãos esta obra simples e didática por que mergulhar no pensamento do grande filósofo ateniense, um dos homens mais sábios da história da humanidade

“Uma Nova Idade Média”, de Nikolai Berdiaev

 

Publicada originariamente em 1924, esta obra profética é mais atual do que nunca! Mergulhe nas reflexões de Nikolai Berdiaev, um dos grandes nomes da filosofia do século XX, numa magistral tradução do poeta Tasso da Silveira. Imperdível!

Nos quatro ensaios que compõem o livro, Berdiaev busca encontrar a ligação entre o fim do Renascimento e a debacle geral da humanidade nos séculos posteriores; identifica esse processo com o surgimento duma nova “Idade Média”, caracterizada por uma volta ao sobrenatural, às aspirações coletivas, uma volta à religiosidade, mas à religiosidade do Anti-Cristo. Vê ainda o socialismo como coroamento da história moderna e como conseqüência direta do liberalismo do século XIX e assevera: “à Rússia será dado um papel todo especial; ela dará nascimento ao Anticristo”.

No último ensaio, ainda, o autor analisa três formas de governo — o socialismo, a democracia e a teocracia — encontrando em cada uma dessas formas o germe do forma de governo precedente, isto sendo como que uma linha mestra que vai das teocracias nacionais até o advento da revolução russa de 1917.

Há no livro um apêndice, “O espírito burguês”, ensaio escrito posteriormente que pretende delimitar o que é o espírito burguês, que o autor define como “um estado espiritual, uma orientação da alma para uma certa direção, um gênero peculiar de auto-consciência”.